EmiratesAdidas
Levante - Real Madrid

1-0: Derrota no Cidade de Valência

Ver galeriaVer video

CRÓNICA | 22/02/2020 | Alberto Navarro | FOTÓGRAFO: Antonio Villalba

O Real Madrid teve as ocasiões mais claras mas o Levante chegou à vitória com um golo no minuto 79.
  • La Liga
  • Jornada 25
  • Sáb, 22 Fev
Estadio Ciudad de Valencia
1
0
O Real Madrid perdeu contra o Levante no Cidade de Valência. Os blancos tiveram as ocasiões mais claras mas a equipa da casa marcou aos 79’ e manteve essa vantagem até ao final. A primeira jogada de perigo foi madridista. O remate de Benzema um pouco descaído dentro da área terminou nas mãos de Aitor Fernández aos 7’. Quatro minutos mais tarde teve o francês a ocasião mais clara da primeira metade após um grande passe de Isco, mas o guarda-redes do conjunto local esteve melhor no frente a frente. 

A entrada em cena do conjunto blanco estava a ser impecável e aos 16’ teve outra clara oportunidade para marcar. Kroos marcou um canto, equivocou-se o guarda-redes do Levante a despejar e a cabeçada de Casemiro saiu a escassos centímetros do poste. O Real Madrid já merecia estar na frente e o Levante subiu a sua linha de pressão. Apesar disso, as oportunidades continuaram a ser dos visitantes com um nome em destaque: Modric. O croata rematou alto de zona frontal aos 32’ e oito minutos mais tarde, e desde uma posição parecida, obrigou Aitor Fernández a enviar o seu disparo para canto. 

Ocasião de Hazard
Logo a começar a segunda metade pediram penálti os madridistas por uma mão de Campaña depois de um auto-passe de Isco. O jogo começava a ser de parada e resposta e numa dessas rápidas transições ofensivas podia ter-se adiantado o Real Madrid. Grande passe de Marcelo com a parte exterior do pé aos 52’ e Hazard, que se isolou frente a Aitor Fernández, acertou com o esférico no corpo do guarda-redes da casa. Minutos depois o belga saiu com queixas e entrou Vinicius Jr. para o seu lugar.

Passavam os minutos e aos 79’ Morales marcou o 1-0 com o pé esquerdo. Ficava tempo para tentar a reviravolta e os madridistas procuraram-na até final. Vinicius Jr. fugiu em velocidade e o seu passe atrasado não foi aproveitado por Benzema aos 83’. Já nos descontos podia ter empatado Ramos de cabeça, mas Aitor Fernández agarrou o esférico.
Pesquisar