EmiratesAdidas
contenido

O Real Madrid conquistou o título em Jedá frente ao Atlético de Madrid.

A equipa de Zidane conquistou o troféu numa final que terminou empatada a zero e foi resolvida na marcação de penáltis (4-1).

A 12 de Janeiro de 2020 o Real Madrid conquistou a décima primeira Supertaça de Espanha da sua história. Os blancos levantaram o troféu na final de Jedá (Arábia Saudita) diante do Atlético de Madrid. Depois de superar o Valência (1-3) nas meias-finais de uma competição que estreou um novo formato, os jogadores de Zidane proclamaram-se vencedores depois de um emocionante dérbi que terminou empatado a zero e foi resolvido na marcação de penáltis (4-1).

A final recordou a da Décima Primeira em Milão. Real Madrid e Atlético de Madrid protagonizaram um intenso e dividido encontro que chegou ao prolongamento sem golos. Os trinta minutos adicionais contaram com ocasiões para os dois conjuntos. Oblak salvou uma dupla oportunidade de Modric Mariano. Entretanto, Valverde foi expulso por evitar com falta um frente a frente entre Morata e Courtois.

Valverde, MVP da final

O Real Madrid mostrou-se mais acertado na marcação de penáltis que decidiu o título. CarvajalRodrygo, Modric e Ramos marcaram os seus penáltis, enquanto que Courtois parou o de Thomas para selar um definitivo 4-1 a favor da equipa de Zidane. Com o técnico francês a engrandecer a sua lenda em finais e Ramos levantando um novo título, o plantel festejou junto dos seus adeptos a conquista da Supertaça no estádio Rei Abdullah de Jedá.

Zidane conquistou o seu décimo título como treinador do Real Madrid.

Durante toda a sua estadia em Jedá, a equipa voltou a desfrutar do apoio dos seus adeptos. Um exemplo, foi a cerimónia de peñas prévia à final, na qual o presidente Florentino Pérez agradeceu o carinho dos seguidores: “Obrigado pela vossa lealdade, pelo vosso apoio e por tudo o que fazem pelo Real Madrid”. Foi mais uma demonstração de como se vive o madridismo em todos os lugares do mundo.

Pesquisar