EmiratesAdidas
Visita a la Comunidad de Madrid y al Ayuntamiento de Madrid

O Real Madrid ofereceu a Décima Prineira aos madridistas

Galeria

NOTÍCIA | 29/05/2016

O plantel, corpo técnico e Junta Directiva visitaram a sede da Comunidade de Madrid e o Ayuntamiento.
Um dia depois da conquista da Décima Primeira em Milão, a festa continuou na sede da Comunidade de Madrid e no Ayuntamento. Foi ali que o Real Madrid ofereceu o título a todos os madridistas. O plantel e o corpo técnico, juntamente com Florentino Pérez e a Junta Directiva, partiram da Cidade Real Madrid e dirigiram-se em primeiro lugar ao Palácio de Cibeles, sede do Ayuntamiento.

Milhares de adeptos esperavam os campeões nesta primeira paragem institucional. A alcaldesa Manuela Carmena recebeu a equipa e deu-lhe os parabéns: “Muito obrigada ao clube e a todos os jogadores. Quero-vos dar um abraço em nome de toda Madrid, que vos está muito agradecida".

Os melhores 
"São uma equipa única que coloca esta cidade nas bocas do mundo. São fundamentais e decisivos. São os melhores, é a verdade. Fizeram um jogo extraordinário frente a um extraordinário adversário. A história de Madrid está ligada ao Real Madrid e esta é a vossa casa”.

Florentino Pérez: “Capazes de conseguir o impossível”
“Estar neste Ayuntamiento é imprescindível porque é estar com todos os madrilenos. Estes jogadores, com Zidane ao leme, são capazes de conseguir o que para muitos é impossível. Graças aos nossos adeptos, que estão ao lado do clube em todo o momento, e aos nossos futebolistas, que jamais se rendem. Quero oferecer o nosso respeito e reconhecimento ao Atlético de Madrid, um competidor formidável e um clube amigo e vizinho”.

“Esta Champions tem uma dedicatória que transcende a nossa cidade, os 16 seguidores de uma peña madridista no Iraque que há uns dias morreram vítimas do terror. Desgraçadamente, a violência jihadista voltou a golpear uma peña dos nossos adeptos. À noite, em Baakouba, perto de Bagdad, durante a final, um local madridista voltou a ser atacado e as primeiras informações falam de uma dúzia de pessoas assassinadas e de vários feridos. O nosso triunfo também é para eles”.

Ramos: “Esta Champions é fruto de muito esforço”
“Esta Champions é fruto de muito trabalho e esforço. Foi uma temporada difícil mas agora estamos a oferecer esta taça a todos os madrilenos. O Atlético de Madrid foi um grande adversário e representar o futebol mundial através de duas equipas de Madrid é um orgulho”.

MILHARES DE ADEPTOS ACOMPANHARAM OS CAMPEÕES DURANTE OS FESTEJOS. 

Depois dos discursos houve uma troca de obséquios. Florentino Pérez ofereceu à alcaidesa uma réplica da Champions e uma camisola do  Real Madrid. Esta correspondeu oferendo aos brancos uns botões de punho com o skyline de Madrid. A visita terminou com os brancos a saudarem desde a varanda do Ayuntamiento.

Comunidade de Madrid
Os campeões deslocaram-se à Real Casa de Correos, sede da Comunidade de Madrid. Antes de começar a cerimónia, foi respeitado um minuto de silêncio pelas vítimas dos atentado sofrido por uma peña madridista no Iraque. Tal como no Ayuntamiento, houve troca de presentes. Florentino Pérez entregou uma réplica da Décima Primeira e uma camisola do Real Madrid , enquanto que a presidente Cristina Cifuentes ofereceu uma placa comemorativa.

Ramos: “A Décima Primeira é de todos vós”
“É um privilégio regressar aqui. Sempre nos tratam com um carinho extraordinário. Sentimo-nos em casa. Custou muito a ganhar, mas a Décima Primeira já está em casa e é de todos vós. Desfrutem dela”.

Florentino Pérez: “Trabalho, humildade e talento"
“É um orgulho estar aqui. A Décima Primeira é fruto da nossa filosofia: um Real Madrid que se entrega até ao final, que não admite auto complacência e com jogadores capazes de muito trabalho, humildade e muito talento. Obrigado aos jogadores e obrigado Zidane, porque a Nona, a Décima e a Décima Primeira estão ligadas ao teu nome”.

“Conquistamos este título frentr a um excelente adversário, e queremos reconhecer o Atlético de Madrid e os seus adeptos. Temos a Décima Primeira, é a segunda Champions em três anos. Mas a nossa história diz-nos que agora toca a trabalhar para conquistar a Décima Segunda. É a nossa nova missão”.

Cristina Cifuentes: “São os melhores, parabéns”
“Esta casa é de todos os madrilenos e de todos os madridistas. É uma honra receber o Real Madrid e é um dia muito feliz para todos os madridistas. Parabéns. É também um dia marcado pela dor das notícias sobre o atentado no Iraque. Todo o meu carinho para as vítimas.  Os valores do desporto têm que estar acima de qualquer ideologia e crença.  Quero felicitar também o Atlético de Madrid, que foi um grande adversário. Madrid tornou-se numa referência mundial”.

O momento mais esperado foi quando os jogadores saíram à varanda da Real Casa de Coreos para oferecerem a Décima Primeira a todos os madridistas que encheram a Puerta del Sol. Após a visita oficial, os campeões rumaram ao Santiago Bernabéu para culminarem os festejos, celebrando a conquista da Décima Primeira com os adeptos. 

Pesquisar