EmiratesAdidas

Grande vitória e hat-trick de Benzema no regresso ao Bernabéu

CRÓNICA. 12/09/2021. Alberto Navarro. Fotógrafo: Antonio Villalba, Helios de la Rubia e María Jiménez

Os golos do avançado francês, bem como de Vini Jr. e do estreante Camavinga, deram os três pontos ao Real Madrid, autor de uma espectacular segunda parte frente ao Celta.

Real Madrid regressou 560 dias depois ao estádio Santiago Bernabéu e fê-lo somando os três pontos contra o Celta de Vigo. O triunfo foi forjado numa segunda parte espectacular da equipa orientada por Carlo Ancelotti, que foi para o intervalo a perder por 1-2. Ao golo de Benzema na primeira parte juntaram-se, após o reatamento, mais dois do francês, um de Vini Jr. e outro do estreante Camavinga. Os madridistas são líderes e continuam sem perder na Liga.

As coisas complicaram-se desde cedo. O Celta adiantou-se no marcador aos quatro minutos. Aspas recuperou uma bola na área adversária e assistiu Santi Mina, que superou Courtois. Dois minutos mais tarde, os locais tiveram soberana ocasião de empatar. Modrić marcou um livre lateral e o remate de cabeça de Vinicius Jr. obrigou Dituro a exibir os reflexos e enviar a bola para canto. Os minutos decorriam e o Real Madrid estava cada vez mais perto da área contrária. Até que o domínio frutificou através do aparecimento do primeiro golo, aos 24'. Casemiro meteu a bola na área, Valverde fez um passe de primeira e Benzema voltou a demonstrar o faro goleador.

vídeo.5-2: Grande vitória e hat-trick de Benzema no regresso ao Bernabéu

Durou pouco a alegria dos eleitos de Ancelotti, visto terem voltado a ficar em desvantagem seis minutos depois. O golo foi de Cervi, na recarga a um remate que fizera ao poste, e novamente após um contra-ataque visitante. Antes do descanso, Benzema marcou de cabeça aos 39', mas o tento foi anulado por fora de jogo de Casemiro. Foi um aviso para o que estava para vir, depois da recolha aos balneários. Logo após o reinício, assistência desde a ala esquerda de Miguel Gutiérrez e espectacular cabeceamento de Benzema. O Real Madrid já estava avisado e após voltar a empatar não se deixou surpreender de novo pelo Celta. Bem pelo contrário, visto ter-se adiantado no marcador aos 55'. A assistência com o pé esquerdo de Benzema para o espaço vazio foi magistral e a finalização de Vini Jr., no frente a frente com o guarda-redes, foi milimétrica. A sua velocidade causava estragos ao Celta e nova oportunidade aos 66'. Courtois lançou uma bola longa, falhou a intercepção Araújo e na sobra apareceu o brasileiro, que recolheu a bola e disparou da zona frontal, obrigando Dituro, que se atirara para o outro lado, a esticar a perna esquerda e afastar o perigo.

Camavinga estreou-se com um golo
Logo a seguir teve lugar a estreia de Camavinga, que substituiu Hazard. Não podia ter sido melhor a apresentação do médio francês, autor do primeiro golo como madridista, decorridos apenas seis minutos desde a entrada no relvado. A jogada começou em Modrić, que se desfez de dois adversários e rematou com o pé direito dentro da área. A recarga foi aproveitada pelo gaulês para facturar à vontade. Não ficou por aí o enorme recital dos madridistas na segunda metade. Ainda faltava a última pérola de Vinicius Jr. O brasileiro recebeu a bola dentro da área, parou à frente de dois rivais, fintando-os antes de ser derrubado por Denis Suárez, quando já só tinha o guarda-redes visitante pela frente. Benzema transformou o penálti para assinar um hat-trick e colocar-se em primeiro na tabela de melhores marcadores, com cinco golos. Goleada no regresso ao Bernabéu.

A EQUIPA REGRESSOU AO BERNABÉU

Santiago Bernabéu recebeu hoje o primeiro jogo desde 1 de Março de 2020. O futebol voltou ao nosso estádio 560 depois e, tal como acontecera no úlitmo encontro disputado neste feudo, com uma vitória.

22 JOGOS SEM PERDER NA LIGA

Tras el triunfo ante el Celta en el regreso al estadio Santiago Bernabéu, nuestro equipo encadena 22 partidos sin conocer la derrota en el campeonato: 16 victorias y 6 empates.

Clasificação

Calendário

Timeline

O Árbitro

Sánchez Martínez (Comité Murciano), asistido en las bandas por Cabañero Martínez y Gallego García. Román Román fue el cuarto árbitro, mientras que Medié Jiménez (Comité Catalán) fue el árbitro de VAR.

Incidências

Encuentro correspondiente a la cuarta jornada de Liga, que se disputó en el estadio Santiago Bernabéu. Antes del partido, el Real Madrid rindió homenaje a Lorenzo Sanz, quien presidió nuestro club desde 1995 al año 2000 y que falleció el 21 de marzo de 2020, y vivió un momento de recuerdo en memoria de todas las personas fallecidas durante la pandemia.

Pesquisar