Alaba: “Estar no maior clube do mundo é o cumprir de um sonho"

"Este é o desafio que procurava, desejosso de vestir a camisola e marcar golos pelo Real Madrid", considerou o jogador madridista.
David Alaba compareceu ante os meios de comunicaçao na conferência de Imprensa telemática que se seguiu à cerimónia de apresentação realizada na Cidade Real Madrid. O novo  jogador madridista esteve acompanhado por Emilio Butragueño, director das Relações Institucionais, que lhe deu as boas-vindas: "Hoje é um dia muito especial para todos os madridistas e é uma honra que, a partir de agora, faças parte da grande família que é o Real Madrid. Desejamos que consigas tudo do melhor, bem-vindo ao Real Madrid”.

Logo a seguir, Alaba transmitiu as primeiras sensações como futebolista da nossa equipa: "Estar no maior clube do mundo é o cumprir de um sonho e estar aqui enche-me de orgulho. Estou desejoso de vestir esta camisola e marcar golos pelo Real Madrid. Estou aqui para ser o David Alaba. Quero contribuir com as minhas capacidades e vou tentar, à custa das minhas forças, do nível do meu jogo e do meu nível humano, ser igual a mim próprio".
 
Clube enorme
“Recebi várias ofertas, mas para mim só havia uma opção, o Real Madrid. É o maior clube do mundo e este é o desafio que procurava. Quero conhecer a equipa o mais rapidamente possível e sinto-me realmente muito bem desde que entrei aqui. É um clube enorme em todo o mundo e desde muito jovem que via imagens do Real Madrid e, por isso, é muito especial estar aqui hoje".
 
Número ‘4’
“Ofereceram-me este número por que não havia outro disponível e sei o que significa para o clube. É uma honra carregá-lo e é algo que me motiva bastante. É um número que representa força e liderança e é com ele que quero dar tudo".
 
Ancelotti
“Conheço-o dos tempos de Munique e temos uma excelente relação. É um grande prazer voltar a trabalhar com ele".
 
Posição
“Sou um jogador flexível e que pode jogar em diferentes posições. A decisão do lugar que ocuparei em campo é da responsabilidade do treinador".