EmiratesAdidas
Militao

Militão: “Quero ganhar muitos títulos e fazer história no Real Madrid”

NOTÍCIA | 03/05/2021

O central foi protagonista de mais uma edição do programa ’Campo de estrellas’, da Realmadrid TV.
Éder Militão foi o protagonista de mais uma edição do programa Campo de estrellas, da Realmadrid TV. O central brasileiro fez um balanço da sua trajectória e da chegada ao clube madridista: "Espero continuar aqui toda vida. Sei que também depende de mim, do meu trabalho diário e da forma como me cuidar para que toda saia bem. Conquistar a Champions seria incrível. É o sonho de todos e espero não ganhar apenas uma. Procuro pensar sempre positivo. Acredito que posso ter sucesso e dar muitas alegrias aos adeptos. Quero ganhar muitos títulos e fazer história no Real Madrid. Este é o meu sonho”.

“Comecei a jogar futebol um pouco mais tarde do que o normal, mas estava ligado a um clube onde o meu trabalhava. Quando disse que queria jogar ele ficou surpreendido. Os miúdos perguntavam-lhe se eu jogava bem e ele dizia que não sabia. Fui o último a ser escolhido, mas quando fizemos o primeiro jogo todo a gente ficou maravilhada. A partir daí comecei a ter uma grande vontade de jogar. Aprendio muitas coisas, amadureci e continuo sempre a aprender>".

Contratado pelo Madrid
“Quando assinei pelo Real Madrid as coisas aconteceram muito depressa. Em menos de um ano estava no Madrid a concretizar um sonho. Estou junto de grandes jogadores e todos eles uns ídolos. É uma grande felicidade estar no melhor clube do mundo".

Relação com Casemiro
“Eu e o Casemiro falamos muito e isso ajuda porque ele tem mais anos no clube. Eu o Rodrygo e o Vini Jr. somos mais novos e ele ajuda-nos. Para mim é um irmão porque fizemos a mesma trajectória. Viemos ambos de São Paulo e quando estamos na selecção também sinto um grande apoio da parte dele, dentro e fora do campo. Estamos sempre à conversa. É um irmão que me ajuda muito".

É uma grande felicidade estar no melhor clube do mundo.

“Senti-me nervoso no dia da estreia, mas acho que é uma situação normal. Fiquei muito contente por ter feito o meu primeiro jogo e ter concretizado um sonho. Fiquei também feliz pela minha família e por todas as pessoas que me querem ver feliz. Sou tímido, mas dentro do campo não se nota nada. Não gosto de perder, quero sempre ganhar e acho que me transformo e dou tudo por causa dessa ambição. Durante os jogos estou sempre muito concentrado e deixo tudo em campo".

Primeira temporada
"O meu primeiro ano foi de aprendizagem, pois tratava-se de uma Liga nova para mim. Fiz alguns bons jogos e essa foi a minha aprendizagem. Ajudei à conquista de um título para o Real Madrid nos penáltis e estava um pouco nervoso. Mas quando ganhámos a sensação foi de alegria e orgulho".

O que significa estar no Real Madrid?
“Existe um pouco de pressão por estar no Real Madrid, no melhor clube do mundo. Mas é uma boa sensação. Gosto muito de aqui estar. Temos no eixo da defesa o Varane e o Ramos, que já ganharam muitas coisas juntos. Também existe pressão porque tenho de trabalhar no duro, mas faço-o com gosto e já está. Tenho de mostrar aquilo que sou capaz de fazer, seja nos jogos, nos treinos ou no dia a dia. Estou a conquistar a pouco e pouco o meu espaço e respeitando todo o mundo".

Pesquisar