EmiratesAdidas
Granada-Real Madrid

1-2: nona vitória consecutiva do líder

Ver galeriaVer video

CRÓNICA | 13/07/2020 | Javier Vázquez

O Madrid derrota o Granada com dois golaços de Mendy e Benzema, chegando às duas últimas jornadas da Liga com 4 pontos de vantagem. 
  • La Liga
  • Jornada 36
  • Seg, 13 Jul
Estadio Nuevos los Cármenes
1
2
Nona vitória consecutiva e 4 pontos de vantagem sobre o segundo classificado a dois jogos para o final da Liga. É este o resultado da visita do Real Madrid ao Nuevo Los Cármenes, onde venceu o Granada com os golaços de Mendy e Benzema na primeira parte. O líder soube aguentar quando o Granada reduziu a diferença e está mais perto de conseguir o título.

Bom início do Madrid, que aguentou a pressão intensa dos donos da casa com longas posses de bola até que Isco fez o primeiro disparo, aos 4'. E aos 10 minutos, a equipa colocou-se em vantagem graças a um golaço de Mendy. O lateral francês surpreendeu a defesa local com uma poderosa mudança de ritmo até à linha de fundo e o seu disparo de pé esquerdo entrou ao ângulo. Os homens de Zidane queriam mais e desenharam uma bonita jogada que culminou no 2-0. Toque de calcanhar de Isco no centro do campo e assistência de Modric para Benzema, que entrou na área e definiu com o pé direito, aos 16 minutos. 

MENDY MARCOU O SEU PRIMEIRO GOLO PELO REAL MADRID.

O Granada também teve a sua oportunidade na primeira parte, numa cabeçada de Domingos Duarte que defendeu Courtois. Aos andaluzes fez bem o intervalo e aos 50' reduziram a desvantagem por intermédio de Machís. À passagem da hora de jogo, Isco tentou a sorte da zona frontal e logo de seguida entraram Asensio e Rodrygo para tentar responder à boa fase dos visitados.

O líder soube sofrer
Com as forças igualadas na altura decisiva do encontro, o cansaço começou a fazer-se sentir entre os jogadores. Nos últimos 5 minutos, o Granada teve por duas vezes a chance de empatar. Primeiro, Antoñín engatou um bom remate que obrigou Courtois a intervir e, na continuação da jogada, Azeez disparou com tudo e Sergio Ramos aliviou em cima da linha. O líder soube sofrer para somar um triunfo importante e na quinta-feira tem hipótese de se sagrar matematicamente campeão da Liga.

Pesquisar