EmiratesAdidas
Campeones octava Copa de Europa

Oitava foi conquistada há 20 anos

Ver video

NOTÍCIA | 24/05/2020

A 24 de Maio de 2000, o Real Madrid ganhou ao Valência na primeira final espanhola da Taça dos Campeões Europeus.
O estádio de Saint-Denis (Paris) foi palco da conquista da oitava Taça dos Campeões Europeus pelo Real Madrid. O clube blanco engrandeceu a sua lenda ao vencer o Valência na primeira final da competição entre clubes espanhóis. Nesse 24 de Maio de 2000, os madridistas realizaram uma fantástica exibição, tendo Morientes inaugurado o marcador com um golo de cabeça antes do intervalo. McManaman, com um remate acrobático, e Raúl, que fez o seu décimo tento nessa edição da prova, foram os restantes goleadores madridistas.

Real Madrid voltava a erguer o maior troféu continental em Paris, cidade na  qual iniciou a sua lendária campanha europeia e onde disputou a primeira final, em 1956. Na caminhada até à capital francesa, os madridistas defrontaram o FC Porto, Olympiacos e Molde na primeira Fase de Grupos, e o Bayern de Munique, Dínamo de Kiev e Rosenborg na segunda. Nos quartos-de-final teve lugar a memorável jogada de Redondo em Old Trafford, na qual o argentino fez uma finta de calcanhar e assistiu Raúl para estabelecer o triunfo sobre o Manchester United. Nas meias-finais diante do Bayern de Munique, Anelka foi o elemento-chave, tendo marcado na primeira e na segunda mão.
 
Finais espanholas
Real Madrid também acabaria por ganhar as duas seguintes com protagonistas exclusivamente espanhóis. Em ambas o adversário foi o Atlético de Madrid e a primeita também teve lugar num 24 de Maio, mas no ano de 2014 (a Décima, en Lisboa). A última foi a Décima Primeira, em Milão
 
FICHA TÉCNICA:
3- Real Madrid:
 Casillas, Míchel Salgado (Hierro, 85’), Iván Campo, Helguera, Karanka, Roberto Carlos, McManaman, Redondo, Raúl, Anelka (Sanchís, 80’) e Morientes (Savio, 72’).

0- Valência: Cañizares, Angloma, Djukic, Pellegrino, Gerardo (Ilie, 69’), Mendieta, Farinós, Gerard, Kily González, Angulo e Claudio López.

Golos:
1-0 (min. 38): Morientes.
2-0 (min. 66): McManaman.
3-0 (min. 74): Raúl.

Árbitro: Stefano Braschi (Itália).
Estadio: Stade de France/Saint-Denis (Paris).
Pesquisar