EmiratesAdidas
Viktoria Plzen - Real Madrid

Solari: “Os jogadores mostraram o seu talento e vimos golos preciosos"

NOTÍCIA | 07/11/2018 | Javier García (Plzen)

“Na Champions não se vence 5-0 se não se fizer um jogo destas características”, acrescentou.
Solari compareceu na sala de imprensa da Doosan Arena uma vez concluído o encontro entre o Real Madrid e o Viktoria Plzen: “Fizemos um jogo sério do princípio ao fim. Os jogadores mostraram o seu talento à boca da baliza. Vimos golos preciosos. Na Champions não se vence 0-5 se não se fizer um jogo destas características. Estou contente e feliz, mas o mérito é dos jogadores”

“Há grandes jogadores na equipa. Eles são capazes de chegar onde quiserem. Já o demosntraram no passado. Não têm limite e jogando com esta seriedade e compromisso, apesar de evidentemente existirem jogos em que os adversários vão causar mais dificuldades, é difícil não fazer golos. Desfrutei dos golos de hoje, foram preciosos”.

Elogios a Keylor Navas
Keylor é um senhor. É uma decisão que tomei. Keylor tem toda a minha admiração como futebolista e todo o meu respeito como homem. É um jogador importante para o plantel, também quando não joga. É um jogador muito querido e continua a ser muito importante, tanto quando está não baliza como quando não está”.

Fizemos um jogo sério do princípio ao fim. 

“Os jogadores têm grandes condições e é tudo mérito seu. A temporada é muito comprida e há etapas distintas. Agora temos outro jogo muito difíci no domingo e teremos que o encarar com a mesma seriedade”.
 
Sentes-te treinador até final de temporada?

“Apenas posso pensar no próximo jogo, para todos os efeitos, e parece-me bem. Apenas posso ver o próximo encontro no cardápio. O futebol é o presente e o mais importante é o seguinte jogo. Passamos com nota positiva este jogo e agora temos que pensar no próximo e colocar todas as nossas forças e energias nele".

Terminou a crise?
“Não conheces o Real Madrid. Nós vivemos em crise permanente todo o tempo, inclusivamente quando ganhamos a Champions”.

Odriozola e Reguilón
“São dois jogadores muito jovens. Há dois anos enfrentava-se na Segunda B jogando na Real Sociedad B e no Castilla. Agora estão aqui, jogando bem e sendo importantes para a equipa. Também é importante a estreia europeia de Javi Sánchez, que passou por todas as categorias jovens e é um exemplo para a cantera”.

Pesquisar