EmiratesAdidas
Real Madrid - Athletic

Zidane: "Acreditamos e não baixamos os braços"

NOTÍCIA | 23/10/2016 | Javier García

“Estou contente com o trabalho dos meus jogadores, gostei de tudo o que fizeram”, acrescentou o técnico branco.
Zidane valorizou na conferência de imprensa a vitória frente ao Atlético de Bilbao que dá a liderança à sua equipa. O treinador madridista analisou assim o jogo dos brancos: “Eu não vi um jogo esquisito, vi um jogo complicado e duro. Tornaram-nos a vida difícil e estou contente pelo resultado e pelo conteúdo do jogo. Tivemos que sofrer porque não há jogos fáceis e ainda mais contra um adversário assim”.

“Podes acertar mais ou menos, mas os jogadores deixaram tudo em campo. Hoje em dia não há jogos fáceis. Não há uma Liga que se conquiste sem sofrer nem sem trabalhar. Somos o Real Madrid e todos esperam que marquemos sempre cinco ou seis golos, mas isso não existe. Não houve falta de atitude, mas antes um adversário pela frente que joga bem e causa dificuldades. Estou contente com o trabalho dos meus jogadores. Gostei de tudo o que fizeram. Vi a minha equipa com vontade de dar tudo”.
 
Igualdade na Liga
“Vai ser assim toda a temporada. Temos que jogar bem cada jogo, não há jogos fáceis e há que sofrer até final. É a mensagem que passo aos meus jogadores. Acreditamos e não baixamos os braços, muito menos nos momentos difíceis. Mantivemos a cabeça fria até ao golo e estou contente e satisfeito”.
 

MANTIVEMOS A CABEÇA FRIA ATÉ MARCAR O GOLO E ESTOU SATISFEITO. 

“Morata e Lucas já me estão a convencer, estão muito bem. Jogam e entram bem em campo. Perguntam-me quando vão ser titulares, mas já jogaram como titulares e voltarão a fazê-lo. Estamos todos juntos e vamos continuar assim. Guardo o que fizemos todos juntos, não observo apenas um jogador. A temporada é muita comprida e vamos precisar de todos”.
 
Golos sofridos
“Não me preocupa. Vamos tentar melhorar. Faz parte do futebol e também há um adversário que coloca dificuldades. São detalhes e vamos tentar melhorar”.
 
Morata ou Benzema
“Todo o mundo tem direito a opinar. Eu vi que marcou Benzema e depois Morata. Fico com isso e não faço análises”.

Buscar