EmiratesAdidas
Entrevista Bwin de Benzema

Benzema: “Será preciso estar a 120% do primeiro ao último minuto”

Ver video

NOTÍCIA | 28/04/2014 | FOTÓGRAFO: Helios de la Rubia

“Estamos muito concentrados e vamos dar tudo para ganhar“, acrescentou o avançado francês.
O autor do golo da primeira mão confia em repetir a exibição em Munique e garantir a passagem à final da Champions. Benzema analisou, na página da Bwin na internet, o decisivo encontro contra o Bayern: "Somos duas grandes equipas, com muita qualidade e são sempre encontros difíceis de jogar. Estamos habituados a este tipo de jogos, em que os detalhes fazem a diferença. É muito importante, tanto para nós como para eles".

“Não há um plano especial, de qualquer forma sabemos como eles jogam, gostam de ter a bola e usar o seu tempo para atacar. Nós somos muito rápidos. A vitória é essencial para nós. Não há um plano especial”.

O golo da primeira mão
“Não vou dizer que foi a chave do encontro. Foi bom ter marcado. A chave será a equipa no seu todo e estarmos em forma se queremos voltar a vencer. Será preciso estar a 120% do primeiro ao último minuto”.

NESTE TIPO DE JOGOS OS DETALHES FAZEM A DIFERENÇA.

“O Bayern é uma grande equipa. No plano individual, tanto eles como nós temos um nível equivalente. Por isso são encontros difíceis. Não sei se a táctica deles vai mudar. Sabemos como jogam. É uma equipa que gosta de ter a bola com um jogo de passes. Nós estaremos atentos”.

Cristiano, Benzema e Bale garantem um golo?
“Espero que sim. Está claro que vamos fazer tudo para que isso seja possível. Tanto faz quem o marque. O importante será marcar e poder chegar à final”.

Guardiola e Ribéry
“Não sei se Guardiola será decisivo. É verdade que nos conhece bem mas nós também sabemos como ele prepara as suas equipas. Nós estamos muito concentrados e vamos dar tudo para ganhar. A chave para travar Ribéry será a equipa. Todo o conjunto terá de estar muito forte. É um grande jogador e espero que não tenha o seu melhor dia”.

Chegar à final
“O futuro o dirá. Aquilo que sabemos é que nos faltam 90 minutos. Podemos fazer um bom jogo e vencer... É bom estar nas meias-finais e ter ganho o jogo da primeira mão. Agora temos de ganhar o da segunda”.

Pesquisar