1. Close
    Champions League Jornada 6
    vivê-la em Santiago Bernabéu
    Real MadridReal Madrid
    vs
    CSKA MoscovoCSKA Moscovo
    Informação do jogo
    Champions League, Jornada 6
    Santiago Bernabéu
    12/12/2018
    18:55
    COMPRAR BILHETES

    partilharfacebooktwittergoogle +

    Siguiente

    Champions League18:55Real MadridvsCSKA Moscovo

    Anterior
  2. Close
    Euroliga Jornada 12
    vivê-la em Wizink Center
    Real MadridReal Madrid
    vs
    Barcelona LassaBarcelona Lassa
    Informação do jogo
    Euroliga, Jornada 12
    Wizink Center
    12/13/2018
    21:00
    COMPRAR BILHETES

    partilharfacebooktwittergoogle +

EmiratesAdidas

Seleccione a plataforma preferida para comprar os seus bilhetes

Puskas Ferenc Puskas Biro

1958 · 1967
Local de nascimento
Budapest (Hungria)
Ano de nascimento
01/04/1927

O melhor pé esquerdo que já pisou o Bernabéu

Posição em campo: Avançado
Partidos jugados: 262 oficiais
Goles marcados: 242
Internacional:
85 vezes pela selecção da Hungria
4 vezes pela selecção da Espanha

Puskas deixou uma marca eterna no Real Madrid. Encantou os adeptos brancos com o seu cavalheirismo, simpatia, amabilidade e as suas brilhantes exibições nos relvados. Enquanto avançado, bateu todos os recordes de golos, ganhando a alcunha de “Pancho” ou “Canhãozito pum” (Cañoncito pum em castelhano). Foi um dos maiores avançados da história, dotado do melhor pé esquerdo que já foi visto no Bernabéu.

Ferenc Puskas aterrou no clube de Chamartín com 31 anos, oriundo do Honved de Budapeste. Ali tinha sido elemento-chave na conquista de cinco campeonatos húngaros. Também a grande selecção da Hungria que ganhoiu a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de 1952. Com a sua contratação, ficaria completo o mítico grupo que já formavam Alfredo Di Stéfano, Kopa, Rial, Santamaría, Gento e Domínguez.

A sua chegada foi uma grande surpresa para a “afición” espanhola. Pensava-se que alguém com a sua idade e uns quilos a mais já nada teria a fazer numa equipa como a do Real Madrid, recheada de estrelas. Mas depressa se percebeu que isso era um equívoco. A sua extraordinária capacidade goleadora foi fundamental na conquista de três Taças dos Campeões e cinco Campeonatos, entre outros troféus. Puskas morreu a 17 de Novembro de 2006 e a FIFA presta-lhe um grande reconhecimento, já que o galardão que instituiu para o melhor golo do ano foi baptizado com o seu nome.


Palmarés

3 Taças dos Campeões
1 Taça Intercontinental
5 Campeonatos
1 Taça de Espanha
4 Troféus Pichichi

Buscar