EmiratesAdidas
Barcelona - Real Madrid

1-3: Grande vitória no Clássico

Ver galeriaVer video

CRÓNICA | 24/10/2020 | Alberto Navarro | FOTÓGRAFO: Antonio Villalba

O golo de Valverde, e os tentos de Ramos e Modric numa magnífica segunda metade dão o triunfo em Camp Nou ao Madrid, que é líder da Liga.
  • La Liga
  • Jornada 7
  • Sáb, 24 Out
Camp Nou
1
3
O Real Madrid venceu o primeiro Clássico da temporada com todo o mérito. O conjunto de Zidane adiantou-se com o golo de Valverde numa primeira metade emocionante, que terminou empatada, e decidiram o jogo numa magnífica segunda metade, coroada com o tentos de Sergio Ramos e Modric. Os madridistas aproveitaram a primeira ocasião que tiveram. A jogada colectiva, que foi para recordar e na qual foram feitos 24 passes consecutivos, terminou com a preciosa assistência de Benzema e a requintada definição de Valverde no frente a frente com Neto aos seis minutos.

A reacção azul grená, em forma de empate, apareceu na jogada seguinte. Centrou Jordi Alba desde a esquerda e Ansu Fati, ao primeiro toque, superou Courtois. Já se tinham marcado dois golos e ainda não se tinham cumprido os dez minutos. Com este resultado se chegou ao descanso, apesar de ter havido ocasiões para que não fosse assim. Messi podia adiantar a sua equipa aos 23’, mas teve pela frente uma grande intervenção de Courtois ao seu disparo com o pé direito. Apenas um minuto depois chegou a resposta madridista num rápido contra-ataque que finalizou Benzema, obrigando Neto a brilhar com uma bonita estirada.

SERGIO RAMOS JÁ MARCOU 99 GOLOS COM O REAL MADRID.

A segunda parte começou com duas oportunidades para o Barcelona. O disparo de Ansu Fati aos 52’ não encontrou a baliza por pouco e a cabeçada de Coutinho dois minutos mais tarde teve o mesmo destino. O Real Madrid reagiu de bola parada. Kroos marcou o livre e Ramos, na tentativa de remate, foi agarrado dentro da área por Lenglet. O árbitro, avisado pelo VAR, foi ao monitor ver a jogada e apontou para a marca de penálti. Sergio Ramos voltou a demostrar a sua fiabilidade desde os onze metros e transformou com facilidade aos 62’.

Esforço colectivo
Faltava cerca de meia hora e o Real Madrid, longe de recuar para manter a vantagem, continuou a pressionar no meio campo contrário. Salvo em algumas jogadas de bola parada, os comandados de Zidane apenas concederam ocasiões para o Barcelona empatar e gozaram das oportunidades mais claras. Podia aparecer o terceiro aos 86’ em duas acções consecutivas nas quais Neto brilhou primeiro aos dois remates de Kroos e ao vólei de Ramos na jogada seguiente. Nos descontos, Modric recolheu um rechaço do guarda-redes da equipa da casa, fintou-o e definiu com classe com a parte exterior do pé direito. O Real Madrid vence o primeiro Clássico da temporada e coloca-se como líder do campeonato.

Pesquisar