EmiratesAdidas
Real Sociedad - Real Madrid

4-2: O Real Madrid tropeçou no Anoeta

Ver galeria

CRÓNICA | 31/08/2014 | Alberto Navarro | FOTÓGRAFO: Helios de la Rubia

Equipa de Ancelotti adiantou-se com golos de Ramos e Bale, mas a Real Sociedad acabou por dar a volta ao marcador. 
  • Liga BBVA
  • Jornada 2
  • Dom, 31 Ago
Anoeta
4
2
O Real Madrid tropeçou no Anoeta, num jogo em que brilhou na primeira meia hora e mais tarde acabaria por pagar cara a factura da falta de pontaria ante um adversário combativo. Num ápice, o jogo ficou de feição. Os merengues precisaram de apenas cinco minutos para se adiantarem no marcador. Kroos marcou o canto e Ramos, imperial nas bolas paradas, bateu Zubikarai com um eficaz remate de cabeça- O andaluz esteve perto de fazer o bis, cinco minutos depois, após magistral marcação de um livre na zona frontal, mas a bola embateu no ferro e com o guarda-redes batido. 

O Real Madrid estava a desfrutar do jogo no Anoeta e Bale corroborou essa sensação com um golo. Recebeu o esférico na cabeça da grande área, desenvencilhou-se de Elustondo com um túnel espectacular e concluiu na perfeição com o pé esquerdo. Os brancos aumentaram a vantagem e poderiam mesmo ter feito o terceiro golo, caso Marcelo tivesse acertado aos 21' e aos 24' em dois poderosos remates desde a marca do penálti, numa altura em que assinavam uma notável primeira meia hora de jogo.
 

BALE É O GALÊS COM MAIS JOGOS NA HISTÓRIA DA LIGA

A vantagem era importante, mas os merengues sentiam-se cómodos e incoformados. Kroos fez um roubo de bola no meio-campo, combinou com Benzema e este teve grande oportunidade dentro da área, aos 31 minutos. Zubikarai esteve enorme no frente a frente. Quatro minutos depois, os locais encurtaram a diferença de bola parada. Zurutuza marcou o canto, Xabi Prieto desviou no primeiro poste e Íñigo Martínez empurrou para o fundo das redes. Antes do intervalo, surgiu o empate. Aos 41', De la Bella fez um centro e Zurutuza bateu Casillas de cabeça desde a marca de penálti. Prémio excessivo para a Real Sociedad. O jogo começava de novo.

Com uma grandiosa intervenção de Casillas, após remate de cabeça de Agirretxe teve início a segunda metade, que se complicou aos 65' com o bis de Zurutuza. Ficava tudo ainda mais complicado com o golo de Vela, após rematar sem oposição desde a marca de penálti. O Real Madrid, ferido no orgulho, tentou inverter a situação até ao final, mas a Real Sociedad estava muito sólida na defesa, nos últimos minutos, abortando qualquer vislumbre de reacção dos visitantes.
 

Pesquisar