1. Close
    Corazón Classic Match Corazón Classic Match 2018
    vivê-la em Santiago Bernabéu
    Real Madrid LeyendasReal Madrid Leyendas
    vs
    Arsenal LegendsArsenal Legends
    Informação do jogo
    Corazón Classic Match, Corazón Classic Match 2018
    Santiago Bernabéu
    06/03/2018
    19:00

    partilharfacebooktwittergoogle +

    Seguinte

    Corazón Classic Match19:00Real Madrid LeyendasvsArsenal Legends

    Anterior
EmiratesAdidas

Seleccione a plataforma preferida para comprar os seus bilhetes

    Raúl Raúl González Blanco

    1992 · 2010
    Local de nascimento
    Madrid
    Ano de nascimento
    27/06/1977

    Vencedor nato, líder indiscutível, madridista de coração

    Posição em campo: Avançado
    Jogos efectuados: 741 oficiais
    Golos marcados: 323
    Internacional pela Espanha: 102 vezes  

    Símbolo do Real Madrid. O eterno capitão que representou sobre o relvado os valores do madridismo. Raúl foi um avançado com um instinto sem limites. Um exemplo a seguir pela entrega total em cada encontro, independentemente do nome do adversário. Dava tudo em cada acção, deixando evidente a sua fome insaciável. Sempre atento aos alívios das defesas contrárias. É um bom espelho para se olharem todos aqueles que sonham ser futebolistas.
     
    Nasceu no bairro madrileno de San Cristóbal de los Ángeles, em 1977. Desde pequeno que mostrou paixão pelo futebol e logo que se fez notado percebeu-se que tinha fibra de craque. Oriundo dos escalões de formação do Atlético de Madrid, chegou à “cantera” branca na temporada de 1992/93. Marcou 13 golos em sete jogos. Devido a referências como esta, Jorge Valdano fê-lo estrear-se na equipa principal na temporada seguinte.

    A 29 de Outubro de 1994, Raúl viveu o primeiro grande momento com a camisola do Real Madrid. O avançado estreou-se a titular no La Romareda. Uma semana mais tarde disputou o seu primeiro dérbi contra o Atlético de Madrid no Bernabéu. Marcou o seu primeiro golo com um espectacular remate de pé esquerdo do limite da área. A bola entrou no ângulo e contribuiu para a vitória madridista (4-2) e para o título de campeão nacional que chegaria no final dessa temporada.

    Consagrado em Espanha, conquistou depois a Europa. Estreou-se na Liga dos Campeões com 18 anos. A 20 de Maio de 1998 ganhou a Sétima Taça dos Campeões na grande final contra a Juventus de Turim. Repetiu o feito em Maio de 2000 e de 2002, marcando em ambos os jogos. É um dos poucos jogadores que ultrapassou a barreira da centena de jogos pela selecção espanhola. Foi um símbolo da equipa nacional e das outras equipas em que jogou, o SChalke 04 e o Al-Sadd Sports Club.


    Palmarés

    3 Taças dos Campeões
    2 Taças Intercontinentais
    1 Supertaça da Europa
    6 Campeonatos
    4 Supertaças de Espanha



     

    Buscar