LazoGanadores de Champions LeagueOtro
Atlético de Madrid - Real Madrid

Ancelotti: "Necessitávamos dar descanso para evitar problemas"

NOTÍCIA. 08/05/2022. Rodrigo Salamanca

“Na segunda metade estivemos perto de empatar”, explicou o treinador.

Carlo Ancelotti compareceu na sala de imprensa do Wanda Metropolitano e analisou o encontro do Real Madrid contra o Atlético de Madrid: “Não é o momento de uma bronca neste perído. Não estávamos contentes na primeira parte porque falhamos muitos passes. Neste tipo de jogos o aspecto mental é muito importante. Por vezes, é determinante. O Atlético de Madrid tinha vantagem nesse sentido. Nós não precisavamos de pontos, mas necessitavamos de fazer um bom jogo. Na segunda parte estivemos melhor. Necessitávamos dar descanso aos que estavam cansados para evitar problemas”.
 
“Foi um bom jogo, sobretudo na segunda metade. Estivemos perto do empate e devemos seguir assim. A prioridade era evitar problemas e dar minutos aos que jogaram menos. Assim será nos próximos jogos. Na quinta-feira vão jogar os que jogaram menos hoje. Benzema, Modrić, Vinicius… Estes jogos servem para ganhar ritmo e hoje tivemos ritmo até ao final”.
 
Lesão de Mariano
Mariano estava no onze titular, mas não estava confortável porque tinha queixas nos isquios. Fez testes esta manhã e parecia que estava bem, mas depois não estava confortável. Preferi meter Jović, que teve problemas de gastroenterite e o jogo que fez. Não tinha intenção de meter Benzema”.
 
Descanso para os titulares
Benzema estava cansado e não tinha recuperado. O primeiro que tenho que fazer é evitar problemas. Também Modrić estava cansado e preferi não o meter de início”.

“A idea é que estejam todos disponíveis para o dia 28 e trabalhamos para isso. Jović teve dificuldades porque a construção desde trás foi muito complicada e não fomos capazes de construir desde trás. Os avançados tiveram mais dificuldades”.
 
Considera Valverde indiscutível?
Valverde é indiscutível”.
 
Cartão amarelo
“Eu não mandei calar ninguém. Tive uma pequena discussão com o assistente e exibiu-me o cartão amarelo. Diego (Simeone) cumprimentou-me, felicitou-me e está tudo bem com ele”.
 
Planificação
“Temos o tempo suficiente e devemos disputar estes jogos porque calham bem. Temos a oportunidade de recuperar todos e chegar bem à final. Jogamos na quinta-feira e não podemos trabalhar. Depois temos jogo no domingo. Nessas duas semanas preparamo-nos com normalidade e faremos trabalho físico, de força e táctico. Nada de especial. Neste momento o melhor é mexer o menos possível”.

Pesquisar