EmiratesAdidas
Málaga - Real Madrid

1-2: Isco, decisivo na vitória em Málaga

Ver galeriaVer video

CRÓNICA | 15/04/2018

O médio marcou o primeiro golo e assisitu Casemiro no segundo garantindo o quinto tríunfo consecutivo fora. 
  • La Liga
  • Jornada 32
  • Dom, 15 Abr
La Rosaleda
1
2
O Real Madrid levou os três pontos de La Rosaleda num jogo que controlou do princípio ao fim. Isco, protagonista no regresso a Málaga, inaugurou o marcador com um grande livre e assistiu Casemiro para fazer o segundo. Apesar de sofrer um golo de Rolan nos descontos, a equipa de Zidane, que soma 100 vitórias como treinador madridista, ganha há cinco jogos consecutivos fora de casa.  

O conjunto blanco dominou claramente desde o começo. Isco pautava o jogo do conjunto de Zidane, que trocava a bola com paciência esperando pelas oportunidades. Benzema foi o primeira a abrir as hostilidades. O avançado finalizou três ataques dos blancos antes de se cumprir o minuto 20, mas não encontrou a baliza. No entanto, foi Kovacic que teve a ocasião mais clara nos momentos iniciais, mas o seu remate de cabeça foi salvo por Roberto.

Golaço de Isco
O jogo tinha ritmo e ocasiões. Apenas faltava o golo. Aos 22’, Chory rematou desviado na primeira aproximação à área de Keylor. Depois, Lucas Vázquez deu réplica disparando por cima após combinação com Benzema e Isco. Foi a antecâmara do primeiro tento. Isco marcou de forma magistral um livre e colocou o 0-1 no marcador ao minuto 29. Antes do intervalo, e após outro disparo perigoso de Isco, Iturra roubou a Casemiro e ficou isolado frente a Keylor, que salvou o empate.  

CASEMIRO JÁ MARCOU 7 GOLOS ESTA TEMPORADA.

O Madrid continuou a mandar no segundo período. A equipa entrou decidida a sentenciar o jogo o quanto antes. Aos 50’, Benzema esteve perto de rematar a um bom centro de Lucas. Foi aos 63’ que chegou o 0-2, graças a uma rápida combinação ofensiva que iniciou e finalizou Casemiro. O brasileiro roubou a bola, Lucas encontrou Benzema, que fintou e cedeu a bola a Isco. Este abrilhantou a grande exibição assistindo Casemiro para marcar isolado.  

Ocasiões
Apesar do resultado, o Málaga não se rendeu. Aos 68’, Chory testou novamente Keylor. Enquanto isso, Zidane mexeu na equipa e fez entrar Ceballos e Mayoral para os lugares de Asensio e Isco. O natural de Málaga saiu ovacionado. Aos 77’, Mayoral disparou dentro da área, mas Roberto defendeu. O Málaga também procurava o golo. Primeiro, Lestienne tentou de zona frontal, e depois, um centro de Rosales obrigou Navas a despejar. Nos instantes finais, Ramos podia ter feito o terceiro após grande passe de Benzema, mas foi Rolan que diminuiu a desvantagem na última jogada. No final, vitória por 1-2 e toca a pensar no jogo contra o Atlético de Bilbao.  

Pesquisar