EmiratesAdidas
Real Madrid - Athletic Club

1-1: O Real Madrid mereceu a vitória contra o Atlético de Bilbau

Ver galeria

CRÓNICA | 18/04/2018 | Alberto Navarro

Cristiano Ronaldo marcou de calcanhar o golo da equipa blanca, que teve oportunidades para fazer mais tentos mas teve Kepa pela frente.  
  • La Liga
  • Jornada 33
  • Qua, 18 Abr
Santiago Bernbabéu
1
1
O Real Madrid mereceu a vitória contra o Atlético de Bilbau mas acabou  por empatar graças a um golo de Cristiano Ronaldo nos instantes finais de um encontro que começou com um ritmo elevado. Aos sete minutos já Keylor Navas tinha sido obrigado a brilhar num frente a frente com San José e dois minutos mais tarde o Real Madrid acertou com a bola na trave. Centro de Carvajal e a violenta cabeçada de Cristiano Ronaldo encontrou a trave quando Kepa já tinha sido ultrapassado. Voltou a tentar ao português aos 13’ mas o seu disparo em arco, depois de uma bonita finta, foi para fora por muito pouco.

A resposta do Atlético de Bilbau foi imediata e contundente. Grande passe de Córdoba no minuto 14 e ainda melhor definição de Williams isolado frente a Keylor Navas. Havia que dar a volta, mas duas grandes intervenções de Kepa mantinham a vantagem dos visitantes. A primeira, ao remate com o pé esquerdo de Cristiano Ronaldo aos 16’ e a segunda, três minutos mais tarde, após o disparo de primeira de Marcelo de zona frontal.

Espectacular jogada de Asensio
A partir daí, o domínio do Real Madrid foi avassalador. Kroos marcou um livre aos 31’ e Kepa voltou a brilhar a cabeçada de Varane. Os blancos mereciam marcar e foram suas as duas últimas ocasiões antes do intervalo. Remate de Carvajal de zona frontal aos 39’, o esférico desviou num defesa e passou a escassos centímetros da baliza do Atlético de Bilbau. A última foi quatro minutos depois após uma espectacular jogada de Asensio, na qual fugiu a três adversários, mas Kepa esteve soberbo no apertado remate do jogador blanco.  

CRISTIANO RONALDO MARCOU NOS ÚLTIMOS 12 JOGOS QUE DISPUTOU COM O MADRID. 

O início da segunda metade foi muito diferente do da primeira. O Real Madrid dominava e o Atlético de Bilbau tentava surpreender no contra-ataque. Apesar disso, a melhor ocasião foi para os bascos. Centrou De Marcos aos 64’, a bola passeou pela área e o remate à boca da baliza de Córdoba golpeou no corpo de Carvajal. A recarga sobrou para Raúl García, que rematou à trave. Zidane decidiu quatro minutos depois fazer entrar Bale e Isco para os lugares de Benzema e Asensio.

Calcanhar de Cristiano Ronaldo
As jogadas de perigo continuavam a suceder-se. Centro de Marcelo com o pé direito aos 72’ e o remate de Bale, de costas para a baliza, não acertou no alvo por muito pouco. Novo centro do brasileiro três minutos mais tarde e o remate de Lucas Vázquez terminou nas mãos de Kepa. O assédio era total e o Atlético de Bilbau estava cada vez mais fechado na sua área. Até que chegou o empate. Modric disparou aos 87’ de zona frontal e Cristiano Ronaldo tocou o suficiente na bola com o calcanhar para superar Kepa. Divisão de pontos e toca a pensar no jogo da primeira mão das meias-finais da Champions.

Pesquisar