EmiratesAdidas
Real Madrid - Girona

6-3: exibição ofensiva com póquer de Cristiano Ronaldo

Ver galeria

CRÓNICA | 18/03/2018 | Alberto Navarro

Lucas Vázquez e Bale marcaram os outros dois golos dos madridistas, que rubricaram diante do Girona a sua quarta vitória consecutiva antes da paragem para selecções.
  • La Liga
  • Jornada 29
  • Dom, 18 Mar
Santiago Bernabéu
6
3
Real Madrid somou diante do Girona a sua quarta vitória consecutiva e chega à paragem para compromissos internacionais depois de um Março perfeito. A equipa revelação da Liga pouco pôde fazer face à exibição ofensiva dos blancos e ao recital de Cristiano Ronaldo, autor de quatro golos.

Desde o início viu-se um Real Madrid arrasador, que antes de fazer o 1-0 já tinha disposto de duas ocasiões claras. Cristiano Ronaldo teve a primeira, mas o seu livre, aos 5', encontrou a mão de Bono. Dois minutos mais tarde, Benzema inventou uma assistência genial e o guardião visitante voltou a ser decisivo para a sua equipa ao salvar um mano a mano com Lucas Vázquez.

Jogada ensaiada
O primeiro golo blanco chegou numa jogada de laboratório. Kroos marcou o canto curto para Marcelo, este devolveu a bola ao alemão e o seu cruzamento milimétrico de pé esquerdo foi aproveitado por Cristiano Ronaldo para rematar de primeira da marca de penálti. Outra marca no revólver do português que já marcou a 64 equipas com a camisola do Real Madrid.

Empate do Girona
O Girona reagiu e esteve perto do empate quando se cumpria o quarto de hora. Bom cruzamento de Mojica e a cabeçada de Portu não foi à baliza por muito pouco. A resposta dos da casa chegou aos 22' mas o árbitro anulou o golo de Lucas Vázquez por um fora de jogo inexistente. Cinco minutos depois, os visitantes empataram. Granell marcou o canto e Stuani meteu a bola no fundo das redes de cabeça. Havia que voltar a começar mas o resultado não se alterou até ao intervalo apesar das duas oportunidades do Real Madrid para marcar. Cristiano Ronaldo tentou da zona frontal, aos 33', e Bono segurou a bola em dois tempos. E esteve igualmente eficaz três minutos depois num livre cobrado por Asensio.

Cristiano Ronaldo marcou 17 golos nos seus últimos 8 jogos.

A segunda parte não poderia ter começado melhor. Com apenas três minutos disputados os madridistas voltaram a adiantar-se. Assistência genial de Benzema e ainda melhor conclusão de Cristiano Ronaldo de pé esquerdo. O Real Madrid tinha vantagem e dez minutos depois aumentou-a. A jogada foi de régua e esquadro. Benzema deu a bola a Marcelo, o brasileiro de novo ao francês, este a Cristiano Ronaldo e quando parecia que o português ia rematar inventou uma assistência que Lucas Vázquez aproveitou com um remate preciso.

Espectacular Cristiano Ronaldo
A equipa estava a desfrutar e a fazer desfrutar as bancadas. Marcelo arrancou olés do público com um bonito passe de calcanhar aos 62' e a posterior assistência de Asensio encontrou a cabeça de Nacho mas o esférico esbarrou na trave. O Real Madrid era um vendaval e três minutos depois surgiu o quarto. Asensio entregou a bola a Benzema e Bono brilhou após o remate do francês. Cristiano Ronaldo aproveitou o alívio para fuzilar à vontade.


O Girona reduziu a diferença aos 67'. Stuani voltou a marcar de cabeça e novamente numa jogada de bola parada (4-2). Zidane fez entrar Bale e Modric para os lugares de Asensio e Kovacic. Os últimos minutos foram impróprios para cardíacos e houve tempo para mais três golos. O primeiro foi de Bale após assistência de Modric, aos 86', o segundo de Juanpe de bola parada, aos 88', e o último, já nos descontos, foi obra de Cristiano Ronaldo para assinar o seu póquer. Festa de golos no Bernabéu.

Pesquisar