EmiratesAdidas
Real Madrid - Málaga

3-2: Vitória importante frente ao Málaga

Ver galeria

CRÓNICA | 25/11/2017 | Alberto Navarro

Os goles de Benzema, Casemiro e Cristiano Ronaldo dão os três pontos ao Real Madrid.
  • La Liga
  • Jornada 13
  • Sáb, 25 Nov
Santiago Bernabéu
3
2
O Real Madrid somou uma importante vitória frente ao Málaga no Bernabéu. O encontro começou com muito ritmo e a meio da primeira metade já se tinham visto três golos. O Real Madrid foi o primeiro a marcar. Centro de Marcelo aos 9’ e Cristiano Ronaldo saltou mais que todos para rematar de cabeça uma bola que parecia que ia sair pela linha de fundo. A bola foi devolvida pela trave e Benzema aproveitou para marcar isolado. 

Os brancos podiam ter aumentado a vantagem seis minutos mais tarde num disparo de Carvajal, após um centro bem medido de Kroos, que obrigou Roberto a brilhar. Do possível 2-0 passou-se ao 1-1 na sequência do golo de Rolan aos 18’. Havia que começar de novo e o Madrid não demorou a ganhar vantagem. Kroos marcou um canto no minuto 21, e Casemiro fez o 2-1 de cabeça.  

Mais oportunidades
Não houve mais tentos até ao intervalo, apesar das ocasiões, sobretudo para o Real Madrid. Ambas tiveram como protagonista Cristiano Ronaldo, que teve como resposta duas grandes intervenções de Roberto, a um disparo com o pé esquerdo na pequena área aos 37’ e a uma cabeçada aos 42’. Mesmo antes do intervalo, Baysse marcou de cabeça mas o árbitro anulou o golo por falta sobre Carvajal na disputa do lance. 

O REAL MADRID MARCOU 9 GOLOS NOS ÚLTIMOS DOIS JOGOS.

A segunda metade começou com menos ritmo, e apesar do Real Madrid ter podido marcar num disparo de Kroos de zona frontal que Roberto enviou para canto aos 52’, o Málaga empatou num disparo de longe de Chory seis minutos mais tarde. Ficava tudo igualado com mais de meia hora pela frente.

Decidiu Cristiano Ronaldo
Os brancos continuavam a insistir e no minuto 64 Lucas Vázquez foi derrubado dentro da área por Recio, mas o árbitro não assinalou penálti. Mas assinalou um 11 minutos mais tarde, quando Modric, que tinha substituído Isco, sofreu uma falta de Luis Hernández. Cristiano Ronaldo marcou o penálti, Roberto defendeu mas o avançado dos brancos colocou a bola no fundo das redes com o pé esquerdo. O Real Madrid soube manter a sua vantagem até final e somou mais três pontos na Liga.

Pesquisar