1. Close
    Champions LeagueJornada 4
    vivê-la emSantiago Bernabéu
    Real MadridReal Madrid
    vs
    GalatasarayGalatasaray
    Informação do jogo
    Champions League, Jornada 4
      Santiago Bernabéu
     11/06/2019
    21:00
    COMPRAR BILHETES

    partilharfacebooktwitter

    Siguiente

    Champions League21:00Real MadridvsGalatasaray

    Anterior
  2. Close
    Liga EndesaJornada 8
    vivê-la emWiZink Center
    Real MadridReal Madrid
    vs
    UnicajaUnicaja
    Informação do jogo
    Liga Endesa, Jornada 8
      WiZink Center
     11/10/2019
    18:30
    COMPRAR BILHETES

    partilharfacebooktwitter

EmiratesAdidas

Seleccione a plataforma preferida para comprar os seus bilhetes

Comparecencia de Florentino Pérez tras el fallecimiento de Alfredo Di Stéfano

Florentino Pérez: "O meu infinito agradecimento pelo respeito de todo o mundo para com Alfredo Di Stéfano"

Ver galeriaVer video

NOTÍCIA | 10/07/2014

"O reconhecimento de todos pela sua pessoa, voltou a demonstrar a sua verdadeira grandeza", disse o presidente do Real Madrid. 
Florentino Pérez compareceu diante dos meios de comunicação na tribuna de honra do Santiago Bernabéu. Juntamente com Ignacio Di Stéfano, para agradecer as demonstrações de carinho provenientes de todo o mundo, após o falecimento de Alfredo Di Stéfano: "Estes últimos dias foram repletos de muita emoção. Foram tempos de profunda tristeza, carregados de uma dor profunda. O mais difícil para uma pessoa é continuar com a vida depois de perder um ente querido. Não é fácil para a sua família, para mim e para o madridismo, termos que nos habituar a viver sem ele. Sem este excepcional homem, em todos os sentidos.  

"Conforta-nos saber que a sua memória vai viver eternamente, e as suas lembranças vão-nos ajudar a seguir o caminho certo. Porque Alfredo Di Stéfano era muito mais que o melhor futebolista da história, ele era a grande referência deste clube e o impacto que teve mudou e revolucionou o futebol. Foram uns dias muito difíceis para a sua família e para todos nós, mas tenho de reconhecer que senti-me orgulhoso como nunca por ter tido a honra de estar próximo dele e de ter sido seu amigo". 

"A repercussão, o reconhecimento e o respeito mundial que sentimos em memória da sua pessoa durante estes dias, voltou a demonstrar a verdadeira grandeza de Alfredo Di Stéfano. Um jogador universal que ultrapassou fornteiras em todo o mundo". 

"Quero, como presidente do Real Madrid, expressar o meu agradecimento total. A minha presença aqui é um agradecimento infinito. Muito obrigado a todos, que de todos os cantos do mundo enviaram palavras de lembrança e carinho para com este impressionante gigante do futebol. Obrigado a todos os adeptos, de todas as equipas que o recordaram. Obrigado aos clubes, aos seus presidentes, directores, que nos acompanharam aqui ou enviaram mensagens". 

"Clubes rivais no terreno de jogo, que estes dias demonstraram a sua grandeza ao prestarem homenagem à nossa lenda. Obrigado a esses futebolistas incríveis que demonstraram o seu afecto e aos adeptos que nos acompanharam no último adeus". 

Obrigado aos que se lembraram deste gigante do futebol em todo o mundo. 

"Naturalmente, uma menção muito especial à presença de sua Majestade, o Rei Felipe VI. A sua homenagem na câmara ardente é uma demonstração do significado que Alfredo Di Stéfano teve na vida de muitos espanhóis, quando este país atravessava momentos muito difíceis". 

"Também a todas as instituições e organismos que transmitiram as suas condolências e apoio. E a todos os representantes da vida política, judicial, cultural, económica e social deste país, que nos acompanharam nestes dias. O meu especial reconhecimento e da sua família para a Comunidade de Madrid e seu presidente, e ao Ayuntamento de Madrid e sua autarca".

"Reconhecimento também aos profissionais do Samur, à direcção e todo o pessoal do Hospital Geral Universitário Gregorio Marañón. Especialmente ao serviço de Cardiologia, pelo profissionalismo e pelo carinho demonstrado para com o nosso Presidente de Honra".

"Foram dias de lágrimas, mas sentimos o afecto de todo o mundo do futebol, e do desporto em geral. Da FIFA e seu presidente, Joseph Blatter; da UEFA e seu presidente, Michel Platini; da RFEF e seu presidente, Ángel María Villar; da LFP e seu presidente, Javier Tebas; e da AFE e seu presidente, Luis Rubiales".

"Agradecer também o trabalho de todos os meios de comunicação, que tornaram possível que o último adeus a uma figura universal e única, como Alfredo Di Stéfano, se fizesse sentir em todo o mundo. Realizaram um trabalho extraordinário, com grande sensibilidade, e tanto a sua família como eu mesmo, sentimo-nos emocionados e estamos profundamente agradecidos".

"Finalmente, quero salientar também o enorme esforço de todos os trabalhadores do Real Madrid. Para eles também foram dias de tristeza, e no entanto deram o melhor deles próprios na despedida do nosso Presidente de Honra. Hoje Alfredo Di Stéfano sentir-se-ia orgulhoso desse trabalho. Tenho que vos reconhecer, além do mais, que como madridista me emocionou cada um dos milhares de sócios que se deslocaram ao Bernabéu para prestar a última homenagem e escrever umas palavras em sua memória". 

"Muitos deles não o viram jogar, mas estavam cientes da transversalidade de Alfredo Di Stéfano no Real Madrid e no mundo do futebol. Alfredo Di Stéfano faz parte do nosso emblema. Como sabem, o último jogo que pôde assistir do seu Real Madrid, foi reflexo do seu espírito vencedor e de nunca desisitir, que são os nossos princípios".

"Ele presenciou uma nova Liga dos Campeões, e como diz a música da Décima, já corre A Seta. Uma Seta que correrá com o Real Madrid eternamente.
Muito obrigado a todos e até sempre Alfredo".

Ignacio Di Stéfano: “Obrigado a todos do fundo do coração”
“Estes dias recebemos demonstrações de afecto impressionantes, e apenas podemos agradecer. Ainda que nos últimos meses a saúde do meu pai tivesse piorado, ainda estava lúcido e feliz. Há poucos dias festejou o 88º aniversário rodeado de familiares e amigos. A sua ilusão e a nossa, era continuar a partilhar juntos a felicidade de uma família que continua a crescer e manter os valores transmitidos pelo meu pai".  

"Em nome da minha família quero agradecer, antes de mais, ao Real Madrid e ao seu presidente Florentino Pérez. Não só por permitir uma homenagem de toda a gente ao meu pai naquela que foi a sua casa, mas também por ter permitido que fosse reconhecido em vida. Para ele era um orgulho ser o Presidente de Honra do Real Madrid". 

"O meu pai guardou para sempre o carinho de todos e isso alegra toda a família. O que mais gostava era do Real Madrid e de futebol. Amava este clube e o jogo acima de tudo. Sem dúvida que hoje se sentiria orgulhoso porque permanecer no coração de muita gente, e todo o mundo tem consciência do significado que teve". 

"Hoje já está acompanhado pela minha mãe e pela minha irmã, e de lá de cima vai-nos dar forças para continuar a lutar pelos nossos sonhos. Foram momentos muito duros, mas obrigado a todos do fundo do coração, e obrigado especialmente ao madridismo". 

Pesquisar