EmiratesAdidas
Real Madrid - Real Sociedad

5-1: Goleada e espectáculo antes da paragem

CRÓNICA | 09/11/2013 | Alberto Navarro

O Real Madrid, que realizou uma primeira parte magistral na qual marcou quatro golos, venceu a Real Sociedad com um hat-trick de Ronaldo e os golos de Benzema e Khedira.
  • Liga BBVA
  • Jornada 13
  • Sáb, 09 Nov
Santiago Bernabéu
5
1
O Real Madrid tinha pela frente o último encontro antes da paragem provocada pelos compromissos internacionais e fazia-o em casa frente à Real Sociedad, uma equipa de Liga dos Campeões que chegava a esta partida depois de uma igualdade sem golos em Old Trafford. Os brancos queriam despedir-se dos seus adeptos com uma vitória no último dos sete jogos que disputaram em apenas 21 dias e desde o início deram sinais claros de que não descansariam enquanto não alcançassem esse objectivo.

Na verdade, Cristiano Ronaldo encontrou-se com a barra logo aos sete minutos, num remate de zona frontal. Cinco minutos depois, conseguiu bater Bravo. A assistência, bem medida, pertenceu a Benzema e o português orientou a bola com uma recepção magistral, superando depois o guardião visitante com um remate cruzado.

O Real Madrid estava a ser um autêntico vendaval e podia ter chegado ao segundo golo antes do primeiro quarto de hora. O protagonista foi novamente Ronaldo. Bale dominou a bola dentro da área, viu bem a chegada do português e endossou-lhe a bola, mas o remate do luso, desde a marca de penálti, foi defendido por Bravo, aos 13’.

O segundo tardou, no entanto, pouco tempo em chegar. Apenas cinco minutos. Se no primeiro golo foi Benzema a assistir Ronaldo, agora assistiu-se a uma inversão de papéis. O Santiago Bernabéu desfrutava do espectáculo proporcionado pela equipa de Carlo Ancelotti, que resolveu o destino dos três pontos antes de se atingir a meia hora. Benzema roubou o esférico na zona intermédia, Modric entregou-o a Ronaldo e o português, com uma bicicleta na área, rematou mas a bola foi travada pela mão de Markel Bergara. O português converteu o penálti aos 26’, marcando o seu segundo golo da tarde.

O SANTIAGO BERNABÉU DESFRUTOU COM OS GOLOS DE CRISTIANO E O BOM JOGO DA EQUIPA BRANCA.

Não acabou ali a exibição dos donos da casa e aos 36’ chegou o quarto tento. Carvajal deu início à jogada, Bale deu-lhe sequência com um passe excepcional e foi Khedira quem finalizou. Antes do intervalo poderiam ter surgido mais golos, mas as cabeçadas de Cristiano Ronaldo e Bale, aos 44’ e 45’, saíram a escassos centímetros da baliza defendida por Bravo.

A Real Sociedad, por sua parte, ainda não tinha feito qualquer remate à baliza. Apenas conseguiu fazê-lo na segunda metade, quando Griezmann reduziu a desvantagem, aos 61’, com um bonito chapéu.

A ambição dos donos da casa não tinha, no entanto, limites. Apesar da goleada, continuavam a tentar dilatar a vantagem e aos 76’ chegou o quinto golo. Modric foi derrubado na zona frontal e Cristiano Ronaldo sublinhou a sua grande actuação com aquele que, provavelmente, foi o melhor golo da tarde. O português, que já marcou 16 no campeonato e é líder isolado da classificação do Pichichi, bateu Bravo com um bonito remate em jeito na cobrança do livre, encerrando um triunfo mais do que merecido.

9

Avançado

Pesquisar