EmiratesAdidas
Real Madrid - Zalgiris

O Real Madrid procura em Istambul um triunfo que abra as portas dos playoffs

NOTÍCIA | 07/03/2014 | Edu Bueno

Os de Laso enfrentam um Galatasaray que está na luta pelo último lugar de acesso às eliminatórias pelo título (18:00 horas portuguesas).
O conjunto madridista inicia no Abdi Ipekci de Istambul, um mês de Março crucial na luta pela Euroliga. Líder do grupo F, enfrenta dois jogos fora de casa com o objectivo de carimbar a passagem aos playoffs. O primeiro, da nona jornada do Top 16, é diante do campeão turco que já venceu na primeira volta. Um Galatasaray que está classificado em quinto lugar e que disputa com o Bayern e o Lokomotiv Kuban o quarto lugar final.

Uma vitória em terras turcas, onde tradicionalmente se dá bem nos confrontos com equipas daquele país (10 triunfos em 13 jogos), deixa o Real Madrid em posição privilegiada para atingir a qualificação para os quartos-de-final na próxima jornada na Alemanha, e estar em condições de disputar o primeiro lugar na recta final.

Os turcos não são imbatíveis em casa
Visita o feudo de um adversário que tem um saldo negativo nesta fase, com três triunfos e cinco derrotas, e que em casa apenas venceu um jogo (contra o Zalgiris) de quatro disputados. Os brancos não podem falhar para manterem a liderança. Não falharam os maiores adversários, CSKA de Moscovo e Maccabi, nas respectivas visitas ao Abdi Ipekci. Por seu lado, os otomanos não querem perder de vista o Bayern, que com quatro triunfos ainda se apura para os playoffs.

Será outra prova de fogo para a imaculada trajectória deste Real Madrid. Não só pela qualidade do plantel turco, que ganhou no ano passado a Liga do seu país ao fim de 23 anos, mas também pela momento de forma da equipa turca e pelo ambiente adverso com que sempre brindam os adversários.

O REAL MADRID É A MELHOR EQUIPA EM TERMOS DEFENSIVOS DA PROVA, COM UMA MÉDIA DE 69.1 PONTOS SOFRIDOS POR JOGO.

O Real Madrid terá de apelar á união e força da sua equipa, tal como fez no jogo da primeira volta (vitória por 89-84), onde seis jogadores superaram a dezena de pontos, e ao extraordinário momento da sua dupla de "administradores" Llull-Sergio Rodríguez. O Chacho é o jogador mais valorizado do Top 16 com 20,25 de média por jogo. O duelo com Arroyo, o perseguidor mais próximo do base (17,38), será um dos aliciantes do jogo.

Galatasaray, equilíbrio interior-exterior
Os comandados por Laso têm o melhor ataque (87,8 pontos no Top 16) e a melhor defesa da prova (69), que terão de fazer valer perante um adversário que sofre 79 pontos por jogo. Os comandados por Atamán vão contar na zona restritiva com Mensah-Bonsu e Aldemir, ausentes na primeira volta, para completar um jogo interior muito forte com Erceg e Macvan. Arroyo, Arslan, Akyol e os norte-americanos Domercant e Hairston dão garantias e têm um bom lançamento exterior.

Laso fala na antevisão, de conseguir um triunfo que “assegura a qualificação”. Por seu lado,Darden está consciente da dificuldade do jogo no Abdi Ipekci: "Qualquer jogo como visitante na Euroliga é muito difícil”

CONVOCATÓRIA
Bases: Llull, Sergio Rodríguez e Martín.
Extremos: Rudy Fernández, Darden, Díez e Barreiro.
Extremos-poste: Mirotic, Reyes e Slaughter.
Postes: Bourousis e Mejri.

50

Poste

9

Extremo/poste

Pesquisar