1. Close
    vivê-la em Santiago Bernabéu
    Real MadridReal Madrid
    vs
    Borussia DortmundBorussia Dortmund
    Informação do jogo
    Champions League, Jornada 6 (Fase de Grupos)
    Santiago Bernabéu
    2016/12/07
    20:45

    partilhar

    Seguinte

    Champions League20:45Real MadridvsBorussia Dortmund

    Anterior
  2. Close
    vivê-la em Santiago Bernabéu
    Real MadridReal Madrid
    vs
    DeportivoDeportivo
    Informação do jogo
    La Liga, Jornada 15
    Santiago Bernabéu
    2016/12/10
    20:45

    partilhar

    Seguinte

    La Liga20:45Real MadridvsDeportivo

    Anterior

Seleccione a plataforma preferida para comprar os seus bilhetes

Ronaldo Ronaldo Luis Nazario de Lima

2002 · 2007
Local de nascimento
Rio de Janeiro (Brasil)
Ano de nascimento
22/09/1976

Um “Fenómeno” do futebol

Posição em campo: Avançado
Jogos efectuados: 177 oficiais
Golos marcados: 104
Internacional pelo Brasil: 105 vezes

O “Fenómeno” do golo. Com umas condições físicas e técnicas apenas ao alcance dos predestinados. Ronaldo deixou para memória futura jogadas e golos inesquecíveis. A sua magia com a bola será para sempre recordada pelos adeptos madridistas. Coleccionador de êxitos, colectivos e individuais, como as duas Bolas de Ouro que ganhou (1997 e 2002) 
 
De família humilde, as suas origens futebolísticas encontram-se no Cruzeiro. E explodiu de tal maneira que o PSV decidiu contratá-lo quando contava apenas 17 anos. Duas magníficas temporadas no emblema holandês (52 golos em 56 jogos) levaram-no ao Barcelona. Dali foi para o Inter, onde as lesões o martirizaram. Em 2002, depois de um magnífico Mundial da Coreia e Japão, passou a integrar o plantel do Real Madrid.

Estreou-se no Santiago Bernabéu frente ao Alavés, marcando o seu primeiro golo. A partir de então, seguiu-se uma interminável lista de golos e noites memoráveis para o madridismo. Logo na primeira temporada, justificou a sua contratação com dois troféus, a Liga espanhola e a Taça Intercontinental.

Pela selecção brasileira ganhou tudo que que havia para ganhar. Mundiais, Copas América e Taça das Confederações, entre outros. Um ídolo no seu país, que ficou marcado pelas lesões na recta final da carreira. Milan e Corinthians foram os seus últimos destinos, antes de, a 14 de Fevereiro de 2011, anunciar o adeus.


Palmarés

2 Campeonatos
1 Taça Intercontinental
1 Supertaça de Espanha

null
Buscar